Hospital Estadual Alberto Rassi
Acesso à informação Fale com a Ouvidoria Saiba como fazer parte da equipe do HGG Perguntas Frequentes Entre em contato com o HGG    




Notícias

(05/06/2024) HGG realiza palestra no AMA e esclarece dúvidas sobre doação de sangue

O tema da palestra foi ´´Mitos e verdades sobre a Doação de Sangue´´

O Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG realizou nesta terça-feira, 4 de junho, uma palestra informativa sobre os mitos e verdade sobre a doação de sangue. A iniciativa aconteceu no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) da unidade e teve como público, os pacientes e acompanhantes que aguardavam por atendimento. As orientações foram ministradas pela biomédica Fernanda Alves Bastos e pelo enfermeiro Kelbison Gomes. Durante a atividade, os profissionais de saúde deram dicas para quem deseja realizar doações de sangue. A dupla sanou dúvidas e reforçou sobre a importância da doação ser realizada na Rede Hemo. A palestra também foi uma forma de celebrar o Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado no dia 14 de junho.

A biomédica Fernanda Bastos, do HGG, destaca a elevada demanda por transfusões na unidade de saúde. "A importância da doação de sangue é crucial, uma vez que realizamos em média 300 transfusões por mês, um número significativo. Dependemos da generosidade dos doadores voluntários para viabilizar cirurgias, especialmente para pacientes em UTI, com doenças crônicas, renais e agora também para os que passam por transplantes de medula óssea, rim e fígado. É essencial garantir o abastecimento para não faltar atendimento a esses pacientes."

Durante a palestra, o enfermeiro Kelbison Gomes enfatizou os requisitos essenciais para se tornar um doador de sangue e ressaltou a relevância desse ato de solidariedade. "O objetivo principal aqui é conscientizar sobre a importância da doação de sangue, porque nunca sabemos se amanhã seremos nós que precisaremos de uma transfusão. Muitas pessoas, ao necessitar, recorrem às redes sociais para fazer campanhas. Se os homens doassem a cada dois meses e as mulheres a cada três meses, não seria necessário recorrer a campanhas. Isso é muito significativo. Há quem só vai doar quando alguém próximo precisa. O meu sangue é O negativo e por isso insisto na importância da doação de sangue", afirmou.

Adevanil Fernandes Alves, de 55 anos, residente na cidade de Jussara, estava presente como acompanhante no HGG e aproveitou a oportunidade para esclarecer suas dúvidas durante a palestra. "É uma ação importante tanto para quem recebe quanto para quem doa. Além da urgência em receber para quem necessita imediatamente, há também a questão do amor ao próximo por meio da doação, que não tem custo algum. Além disso, como já ouvi outras pessoas comentarem, ao doar sangue, você está se cuidando, podendo identificar alguma doença que ainda não se manifestou por meios dos exames realizados antes da doação", ressaltou.

Conscientizar sobre a doação de sangue é fundamental para que as pessoas saibam sobre a importância desse gesto de solidariedade. A doação de sangue é um ato que pode salvar vidas e essencial para o tratamento de pacientes em situações de emergência, cirurgias, tratamentos de doenças crônicas, entre outras necessidades médicas. Portanto, falar sobre a doação de sangue é promover a solidariedade, a empatia e a saúde coletiva, incentivando mais pessoas a se engajarem nessa nobre causa.

Fonte: IDTECH





Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.