Hospital Estadual Alberto Rassi
Acesso à informação Fale com a Ouvidoria Saiba como fazer parte da equipe do HGG Perguntas Frequentes Entre em contato com o HGG    




Notícias

(27/03/2024) Sarau do HGG com o cantor Saulo Soares é marcado por emoção e elogios

“Que playlist boa ele trouxe para nós. Quando ele tocou uma música do Queen eu quase chorei”

Assistir uma apresentação musical em uma unidade de saúde ainda é uma surpresa para muitas pessoas. No Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG muitos pacientes, acompanhantes e colaboradores já conhecem o primeiro projeto de humanização da unidade, o Sarau do HGG, que há dez anos promove momentos musicais na unidade. Na última quinta-feira, 21, quem participou da iniciativa adorou o show do artista Saulo Soares, que cantou canções marcantes da Música Popular Brasileira (MPB) e clássicos do rock, emocionando várias pessoas.

O casal Eduilma e Israel Noronha de 48 e 61 anos participaram pela primeira vez do Sarau. Além de curtirem a apresentação, disseram ter apreciado o momento que trouxe distração que surpreendeu ambos. Já o paciente Mário Ferreira Brito, de 33 anos, comenta que está internado no HGG há alguns dias, e que adorou a apresentação. “Achei maravilhoso, ajuda a melhorar nossos pensamentos e a ansiedade.”

O paciente do HGG Gabriel Carlos de Godoy tem 33 anos. Ele vai fazer a cirurgia bariátrica e estava ansioso para o procedimento. E depois de assistir o show de Saulo Soares elogiou bastante à iniciativa. “Que playlist boa ele trouxe para nós. Quando ele cantou Wicked Game do Chris Isaak, me pegou de surpresa. E quando ele tocou uma música do Queen, eu quase chorei. Olha, esse momento para quem está internado é espetacular, foi maravilhoso, obrigado.”

O artista, Saulo Soares, comentou que sua segunda participação no projeto foi emocionante. “Na minha primeira vez no Sarau eu estava bem nervoso. Hoje já estava mais tranquilo. E hoje eu acho que estou num momento melhor também. Espero que tenha tocado o coração do pessoal, principalmente dos pacientes e da equipe também. Eu parabenizo vocês, pois trabalhar nessa área tem que ter um dom mesmo. Lidar com pessoas tão debilitadas como é o caso dos tratamentos aqui, não é para qualquer profissional, é algo muito especial. Espero ter alcançado realmente o coração de todos.”


Fonte: IDTECH





Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.