Hospital Alberto Rassi
Fale com a Ouvidoria Saiba como fazer parte da equipe do HGG Perguntas Frequentes Entre em contato com o HGG    




Notícias

(01/02/2019) Equipe de enfermagem passa por treinamento de protocolo antitabagismo

Projeto vai auxiliar os pacientes da unidade a abandonar o vício do cigarro, após a alta hospitalar e aliviar os sintomas de abstinência ao fumo, durante a internação

Durante os dias 22, 25, 29 de janeiro e 1º de fevereiro, equipe de enfermagem do Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG passou por treinamento para a implantação do “Protocolo para Sensação do Tabagismo dos pacientes em regime de internação hospitalar”. A iniciativa tem o objetivo de auxiliar os pacientes que serão internados no hospital, a parar de fumar.

De acordo com a pneumologista Heicilainy Gondim, responsável pela iniciativa e que ministrou o treinamento, o hospital já é considerado um ambiente livre da fumaça de cigarros há cinco anos, já que durante o período de internação, é proibido fumar nas dependências da unidade. "Mas queremos mais. Queremos que nossos pacientes sejam também libertados deste vício após a alta do nosso hospital".

De acordo com diretora de serviços multiprofissionais, Rogéria Cassiano, a abordagem ao paciente será realizada quando ele for recebido no leito pela enfermagem, por isso a importância do treinamento de todos os profissionais envolvidos nesta assistência – enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, médicos residentes e residentes multiprofissionais. “O treinamento está voltado para habilitar os profissionais para a triagem, abordagem, tratamento e suporte aos pacientes durante o período de internação e inclusão no projeto".

A previsão é que o protocolo seja iniciado ainda na primeira quinzena de fevereiro e envolverá pacientes com mais de 18 anos, que estejam em condições clínicas e manifestem a vontade de parar de fumar. “Se ele atender a todos esses requisitos, será incluído no protocolo que consiste em três sessões individuais ou em grupo, de abordagem cognitiva comportamental com a equipe de psicologia, para que sejam discutidos aspectos da dependência química, malefícios do cigarro no organismo, e os benefícios em parar de fumar”, explicou Heicilainy.


Fonte: IDTECH





Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.