Hospital Alberto Rassi
Fale com a Ouvidoria Saiba como fazer parte da equipe do HGG Perguntas Frequentes Entre em contato com o HGG    




Notícias

(25/08/2017) Projetos de Saúde podem concorrer a R$ 250 mil no Prêmio Péter Murányi

Os interessados têm até o dia 30 de setembro para enviar seus projetos

As instituições e empresas interessadas em indicar trabalhos para concorrer ao Prêmio Péter Murányi, sob o tema Saúde, podem inscrever seus trabalhos até o dia 30 de setembro. Em mudança realizada este ano, os três finalistas da 17ª edição serão contemplados com valor em dinheiro, além do certificado de reconhecimento público. O vencedor receberá R$ 200 mil e um troféu, o segundo e o terceiro colocados ganharão R$ 30 mil e R$ 20 mil, respectivamente.

Promovido pela Fundação Péter Murányi, o objetivo dessa iniciativa é reconhecer projetos que apresentem aplicação prática, que sejam inovadores, além de apresentarem resultados relevantes para a melhoria da qualidade de vida. Criada em 1999, a Fundação Péter Murányi tem por objetivo reconhecer e premiar trabalhos que, de forma inovadora, melhorem a qualidade de vida das populações em desenvolvimento. Nesse intuito já entregou 16 prêmios anuais, alternados, nas áreas de: Saúde, Desenvolvimento Científico e Tecnológico, Alimentação e Educação.

“Temos muito prazer em promover essa premiação. Em meio a tantos cortes, dada a atual conjuntura econômica, é muito importante que possamos incentivar e reconhecer bons projetos, especialmente, aqueles que comprovem uma melhoria significativa para a sociedade”, a presidente da Fundação Péter Murányi, Vera Murányi Kiss.

A premiação acontece anualmente, alternando os temas “Saúde”, “Ciência & Tecnologia”, “Alimentação” e “Educação”, e conta com o apoio da Academia Brasileira de Ciências (ABC), Academia de Ciências do Estado de São Paulo (Aciesp), Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras (Anpei), Associação dos Cônsules no Brasil (Aconbras), Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Mais informações no site: www.fundacaopetermuranyi.org.br



Fonte: IDTECH





Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.