Hospital Alberto Rassi
Fale com a Ouvidoria Saiba como fazer parte da equipe do HGG Perguntas Frequentes Entre em contato com o HGG    




Notícias

(02/12/2019) Importância da qualidade e segurança do paciente são abordados em ação do HGG

Evento alusivo ao Dia Mundial da Qualidade aconteceu nesta quinta-feira, 28 de novembro

Imagine as seguintes situações: você está internado para passar por uma cirurgia na mão esquerda e o médico faz todo o preparo para operar a mão direita? Ou então seu nome é Luiz Fernando, e o seu companheiro de quarto é Luiz Felipe, e a enfermeira chega para administrar o remédio e procura pelo Luiz F.? Essas situações citadas não são objetos de ficção. Elas foram compartilhadas por usuários que passaram pela tenda na Praça Abrão Rassi, nesta quinta-feira, 28 de novembro, e pelo que relataram, não ocorreu nenhum erro já que na primeira situação a paciente não estava sedada e conseguiu alertar o médico e na segunda opção, a mãe de um dos pacientes constatou que a medicação não seria para o seu filho.

O projeto Saúde na Praça, promovido pelo Hospital Estadual Alberto Rassi - HGG abordou nesta edição a importância da qualidade e segurança do paciente no ambiente hospitalar. A ação alusiva ao Dia Mundial da Qualidade esclareceu para a população quais são as metas internacionais de segurança do paciente, atendendo 161 pessoas. “É um alerta para os usuários prestarem atenção no momento que estão em um hospital, verificar se a equipe está atendendo o paciente bem, com qualidade, fazendo a higiene das mãos, se a identificação do paciente está correta, como é a comunicação com o paciente, se as medicações estão corretas, se as cirurgias seguras, além da prevenção do risco de queda e lesão que o paciente pode sofrer dentro do ambiente hospitalar. Para evitar esses riscos é importante que tanto o paciente, quanto acompanhante e os profissionais que atuam nos serviços de saúde estejam atentos”, explicou Bárbara Guedes, enfermeira responsável pelo Núcleo de Segurança do Paciente do HGG.

A babá Luzia Rodrigues Santos, de 49 anos, estava passando pelo local e resolveu parar para conferir a saúde. Inicialmente a mulher só queria conferir a pressão e a glicemia, mas interessou no assunto e passou por todos os profissionais da tenda. Uma mini-enfermaria foi montada para mostrar como os profissionais devem agir com o paciente, e também os acompanhantes. “Já estive em hospitais acompanhando minha mãe e nunca tinha parado para pensar nesse assunto. Mas fazendo uma breve reflexão, eu lembro de ver profissionais entrarem nas enfermarias e tocarem em todos os pacientes, sem lavar as mãos ou trocar as luvas. Achei muito interessante e a partir de agora vou prestar mais atenção no assunto”.

Entre os serviços oferecidos na ação estão orientações com nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, profissionais da clínica médica, além de testes de glicemia e aferição de pressão. As próximas edições do Saúde na Praça vão acontecer nos dias 10, 11 e 18 de dezembro, e abordarão os temas Dia do Bem Estar, Cuidados com a Voz e Residentes em Ação.



Fonte: IDTECH





Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.